GeralParanáPolicial

Criança de 3 anos morre após dar entrada na UPA com sinais de abuso sexual

Foto: Reprodução

 

Um menino, de apenas três anos, morreu nesta quinta-feira (25) após ser internado na UPA de Cianorte com sinais de agressão e abuso sexual. O padrasto de 30 anos foi levado à delegacia para esclarecimentos. A mãe do menino também está na delegacia, prestando depoimento.

A polícia foi acionada depois que a equipe médica da UPA notou sinais claros de agressão em uma criança que apresentava hematomas nos pés, abdômen e peito e lacerações no ânus, indicando que o menino havia sido vítima de violência sexual. Ele chegou com parada cardiorrespiratória, e a equipe da UPA tentou reanimar o paciente por cerca de 30 minutos, mas sem sucesso.

Além disso, de acordo com o secretário de Defesa Social do Município, Elias Ariel de Souza, os trabalhadores da saúde perceberam que alguns hematomas estavam com coloração esverdeada, indicando que atos de violência já haviam ocorrido antes, em outras ocasiões. O corpo do menino foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), que deve investigar.

“O fato realmente é absolutamente lamentável, monstruoso, mas fica um alerta, a gente aproveita essa oportunidade que vocês nós dão para fazer esse alerta para toda a população: o abusador é sempre uma pessoa muito próxima, a criança não consegue reagir, é o inocente, a parte mais fraca nesse processo”.

A Polícia Civil também foi chamada e investiga os responsáveis ​​pela agressão e exploração sexual do menino. Segundo Souza, a mãe da criança saiu para trabalhar por volta das 4h30 da madrugada, e o menino estava com o padrasto nessa hora. Mais tarde, a avó também cuidou do menino, a partir das 7h.

Atualização do caso

A equipe do Balanço Geral Maringá da RIC Record TV conversou com a mãe do bebê esta manhã. A mulher desesperada disse que, ao sair pela manhã, a criança não apresentava sinais de agressão. Ela também disse que nunca percebeu a atitude estranha do companheiro, mas o filho disse que ela tinha muito medo do homem e não queria que ele o punisse.

Além disso, chama a atenção da Polícia Civil o fato de o padrasto dar banho na criança antes de levá-la à UPA para atendimento médico. Ele chegou à enfermaria por volta das 6h desta quinta-feira (25), informando que o menino estava doente.

Informações – Ricmais

Comentários
Posts relacionados
CinemaGeralMundo

Morre aos 52 anos, atriz de Harry Potter e Peaky Blinders

Comentários Compartilhe isso:TwitterFacebook
BrasilGeralPolicial

Quadrilhas que fraudavam auxílio emergencial são desarticuladas pela PF

Comentários Compartilhe isso:TwitterFacebook
DestaquesEconomiaParaná

Paraná tem o segundo aumento na tarifa de água em 2021

A tarifa da água vai ficar 5,77% mais cara no Paraná. A Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Paraná (Agepar) aprovou… Compartilhe isso:TwitterFacebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Chat online
1
Olá. Posso ajudar?
tudo bem ?
Fique a vontade para mandar mensagem :)
faça parte do nosso grupo do Whatsapp