Esporte

Determinação e garra: Corinthians segura empate com Grêmio, mesmo com dois jogadores a menos

22/11/2020 | 22:58 Por Notícias Mz Modificado em 22, novembro, 2020 10:58

Buscando se distanciar do Z4 do Campeonato Brasileiro, o Corinthians encarou o Grêmio na noite deste domingo (22). Com dois jogadores a menos por boa parte do confronto, a equipe alvinegra segurou a pressão e ficou no empate por 0 a 0. Foram expulsos Marlon ainda na metade do primeiro tempo e Otero, no segundo tempo.

Mesmo com Xavier voltando de suspensão, Vagner Mancini optou por Gabriel e mandou o Timão a campo com Cássio; Fagner, Marllon, Gil e Fábio Santos; Gabriel, Cantillo, Jonathan Cafu, Luan e Otero; Matheus Davó – Ramiro, que vinha sendo titular, não treinou durante a semana por conta de dores no tornozelo e ficou fora.

Mesmo fora de casa, o Grêmio começou o jogo mantendo a posse de bola e logo criou sua primeira chance. Aos dois minutos, Diego Souza bateu de fora da área, ao lado do gol, sem grande perigo para Cássio.

O Timão respondeu rápido e, aos cinco, também criou uma oportunidade. Em boa troca de passes, Luan rolou para Gabriel. O volante, entrando na pequena na área, acabou demorando para chutar e perdeu a bola.

O jogo manteve bom ritmo e o Grêmio quase abriu o placar. Aos oito, Pepê cruzou bem e Luiz Fernando chegou de carrinho para completar. Em cima da linha, Cássio fez grande defesa para evitar o gol dos gaúchos. Na sequência, Diego Souza cabeceou com perigo para fora.

A intensidade das equipes caiu um pouco e o Grêmio só voltou a criar aos 22 minutos, em falta bem cobrada por Jean Pyerre.

O jogo mudou de panorama aos 28 minutos. Em contra-ataque dos gaúchos, Marllon atingiu Matheus Henrique. O árbitro deu amarelo, mas rapidamente mudou o cartão para vermelho por ver a perna do gremista sangrando. Mancini, então, tirou Davó e colocou Bruno Méndez, já aos 33 minutos.

Com um a mais, o Grêmio começou a crescer no jogo e quase marcou aos 44 minutos, mas Gil cortou o perigo.

Bem montado atrás para tentar contra-ataques com um a menos, o Corinthians criou sua primeira jogada aos nove minutos, já no segundo tempo. Em bela arrancada, Fagner deixou quatro marcadores para trás e achou Cafu bem posicionado pela direita. O atacante, porém, dominou errado e desperdiçou a boa chance.

Aos 15, o Timão chegou de novo. Cafu escapou pela direita, rolou para Luan e o camisa 7, depois de tirar da marcação, chutou prensado com a marcação. No rebote, Otero quase completou para dentro, mas a zaga afastou.

Aos 21 minutos, o Corinthians sofreu mais um baque: em lance pela esquerda, Otero fez falta boba e tomou o segundo cartão amarelo. Com a expulsão, Mancini mexeu três vezes, colocando Xavier e Lucas Piton, nas vagas de Cantillo e Jonathan Cafu.

Bem postado, o Timão continuou segurando os ataques gremistas. Aos 30, Pepê arriscou de longe, mas sem perigo para o gol de Cássio.

Mesmo com dois a menos, o Corinthians quase abriu o placar. Em bom contra-ataque, Fábio Santos foi ao fundo e colocou no pé de Fagner. O lateral bateu forte e parou em milagre de Vanderlei. Já aos 40 minutos, Léo Natel e Camacho entraram em campo nas vagas de Luan e Gabriel.

Os minutos finais foram de muita luta do Timão, que continuou impedindo os ataques do Grêmio, já todo lançado ao ataque com cinco trocas feitas por Renato Gaúcho.

Com o resultado, o Timão termina o fim de semana na 13ª colocação do torneio nacional, com 26 pontos conquistados – a vantagem para o Atlético Goianiense, primeiro dentro do Z4, é de dois pontos.

O próximo compromisso do Corinthians está marcado para quarta-feira, às 21h30, diante do Coritiba, na capital paranaense.

 

Você tem algum comentário, dúvida ou opinião? Conta pra gente!


blank

Chat online
1
Fale com o Portal MZ!
Tudo bem?
Fique à vontade para mandar mensagem :)
Faça parte do nosso grupo do Whatsapp!!