DestaquesEconomiaPonta Grossa

Durski alega perseguição da imprensa e confirma investimento de R$ 600 mi em PG

Reprodução Grupo RIC - Programa Jornal da Manhã

 

O CEO do grupo Madero, Junior Durski, veio a público nesta quarta-feira (30) para negar informações publicadas por veículos que ele mesmo chamou de imprensa “vermelha e tendenciosa, especialmente ligados à Globo e à Folha de São Paulo”.

Em entrevista ao Grupo RIC, Durski afirmou que não há qualquer cabimento a informação de que o Grupo Madero passa por crise financeira. Pelo contrário, segundo ele, a organização está com um caixa robusto e confirmou investimentos programados para este e os próximos anos, inclusive a ampliação da fábrica do Grupo em Ponta Grossa, com valor estimado em R$ 600 milhões.

“Estamos muito tranquilos, porque temos um pool de bancos que nos atende. Os principais e maiores bancos do Brasil são os que nos apoiam e nós estamos muito bem com eles”, enfatizou o empresário.

Junior Durski esclareceu que, como o Grupo Madero está abrindo o seu capital precisa atender alguns critérios estabelecidos pelo mercado financeiro para transparência dos negócios. Por isto, a própria empresa publica periodicamente informações sobre suas condições financeiras. “Pois é, aí que entra a maldade desse jornalismo. Esta nota é exatamente a nota que nós colocamos agora no mês de junho. Só que uma nota exatamente igual nós colocamos lá no mês de março, do ano passando, quando começou a pandemia. Então, nós não tínhamos noção de como seria a pandemia e, por isso, que colocamos que nós poderíamos ter algumas dificuldades de caixa, caso tivéssemos as vendas muito afetadas por conta da pandemia. E se isso acontecesse, teríamos de renegociar com os bancos. Colocamos isso porque é uma norma”, completou.

 

Apoio a Bolsonaro

Ainda segundo o Durki, a publicação dessas notícias falsas sobre a crise financeira do Grupo Madero tem a ver com o seu posicionamento político em favor do presidente Jair Bolsonaro e com o fato de que a TV Globo perdeu os direitos de transmissão da Copa América para o SBT. Sendo que o Grupo Madero é patrocinador da competição na emissora comandada por Silvio Santos. “Na minha opinião, eles perderam a Copa América, nós patrocinamos no SBT e aí os caras foram lá achar confusão com isso. Mas é completamente descabida essa perseguição. Isso não precisava ser assim. Cada um apoia o lado que quer e o outro lado deve respeitar”, completou o empresário Junior Durski durante entrevista ao Jornal da Manhã, do Grupo RIC.

 

Posts relacionados
CidadesDestaquesEconomiaRegião Campos Gerais

Ipiranga revoga licitação com exigência indevida, que restringia competitividade

O Município de Ipiranga (Região dos Campos Grandes) revogou o edital do Pregão Eletrônico nº 67/2021, que havia sido suspendo de forma… Compartilhe isso:Facebook
CidadesDestaquesEconomiaRegião Campos Gerais

Palmeira desenvolve projeto de acesso à crédito sem juros

Na última quarta-feira (28) aconteceu a primeira reunião de trabalho através do Petit Comité, grupo de trabalho que tem como propósito principal… Compartilhe isso:Facebook
DestaquesPolicialPonta Grossa

2º Grupamento esclarece motivo da morte de paciente em PG

O 2º Grupamento de Bombeiros de Ponta Grossa esclareceu como foi o processo de atendimento que ocorreu, ontem (29), após o SIATE… Compartilhe isso:Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Chat online
1
Olá. Posso ajudar?
tudo bem ?
Fique a vontade para mandar mensagem :)
faça parte do nosso grupo do Whatsapp