PolíticaPonta GrossaSaúde

“Há uma força para que não haja transparência na vacinação em PG”, diz vereador.

Foto: CMPG

 

 

Parlamentares afirmam recorrer ao Ministério Público para atuar em favor da transparência e identificar se houve ‘fura-fila’ em PG

 

A Câmara de Vereadores da cidade de Ponta Grossa aprovou em segunda discussão nesta quarta-feira (07), o Projeto de Lei (PL) 054/2021, dos vereadores Joce Canto e Júlio Kuller, que dispõe sobre a publicação, no Portal da Transparência do Município de Ponta Grossa, da lista dos nomes das pessoas vacinadas contra a Covid-19.

Mas o projeto aprovado hoje sofreu uma drástica mudança na última segunda-feira (05), quando foi aprovado um substitutivo ao PL, Kuller havia pedido vistas para debater as mudanças impostas ao seu projeto de Lei, contudo foi negado o direito ao vereador.

Durante a sessão a vereadora Joce Canto defendeu que deve haver transparência e citou a matéria do Portal Mz Notícia que denuncia números contraditórios na vacinação de moradores de rua.

Em entrevista ao portal Mz Notícia, Kuller afirmou que o PL foi desvirtuado, impedindo a real transparência exigida para fiscalização e citou uma “força maior” impedindo a transparência. “Eu fico entristecido, porque há uma força no ar para que não haja transparência  e nós temos uma real preocupação, parece que não há uma vontade em que haja transparência. Infelizmente nós perdemos e este projeto ficou desconfigurado e não haverá transparência nenhuma”, desabafou o vereador.

Já a vereadora Joce Canto informou que o projeto original trazia a verdadeira transparência na vacinação e os vereadores autores do projeto devem acionar o Ministério Público para investigar a vacinação em Ponta Grossa. “Nós vamos marcar uma reunião com a Drª Melissa do Ministério Público, para que ela possa atuar junto conosco para que haja transparência no processo de vacinação aqui em Ponta Grossa”, (…) É importante saber quem foram as pessoas vacinas, infelizmente este projeto original acabou não passando na Câmara e por isso vamos acionar o Ministério Público” finalizou a vereadora.

 

 

Redação Portal Mz Notícia

 

 

Posts relacionados
DestaquesPolíticaRegião Campos Gerais

Insatisfeito, prefeito de Castro ameaça deixar consórcio regional de saúde

Em post divulgado pelas redes sociais, o prefeito Moacyr Fadel, de Castro, anunciou que entregou para a presidente do Consórcio Intermunicipal Samu… Compartilhe isso:Facebook
DestaquesPonta GrossaSaúde

UPAs Santa Paula e Santa'Ana voltam a receber público geral de urgência e emergência

A pandemia mudou a rotina de atendimentos das estruturas de saúde. A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Santa Paula tornou-se referência para… Compartilhe isso:Facebook
DestaquesEconomiaPonta Grossa

Shopping de PG lança campanha para o Dia dos Pais com descontos e brindes

O Palladium Shopping Center de Ponta Grossa preparou uma campanha especial para o Dia dos Pais. A promoção Compre e Ganhe começa… Compartilhe isso:Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Chat online
1
Olá. Posso ajudar?
tudo bem ?
Fique a vontade para mandar mensagem :)
faça parte do nosso grupo do Whatsapp