Paraná

Indígenas atacam policiais e levam viatura em Nova Laranjeiras

17/11/2020 | 09:40 Por Notícias Mz Modificado em 17, novembro, 2020 9:40

A Polícia Rodoviária Federal foi surpreendida por um ataque de centenas de indígenas da etnia Kaingang, nesta segunda-feira (16), na BR-277, em Nova Laranjeiras. A região possui a maior reserva indígena do Paraná.

Um grupo de cerca de 400 indígenas, a maior parte deles armados com facões, cercou e tomou uma viatura policial que fazia o policiamento no trecho de Rio das Cobras. Após atacarem os policiais, os indígenas reivindicaram a soltura dos quatro índios presos pelo saque de carga em um acidente, na última quarta-feira (11), também na BR-277, quando o motorista, que faleceu no local, teve o corpo pisoteado pelos saqueadores.

Segundo informações não oficiais, a PRF teve a viatura tomada pelos índios, que levaram o carro dos policiais até certo trech, e usaram de pedras e pedaços de pau para danificar o automóvel. A equipe do pelotão de Choque da Polícia Militar precisou ir até o local para auxiliar na ocorrência.

O trânsito na via foi normalizado por volta das 19h15 sem que houvesse registro de policiais ou indígenas feridos.
Em nota, a PRF informou que “não negocia e não se submete a ameaças criminosas.” Os indígenas presos foram apresentados à Polícia Judiciária e seguem detidos à disposição da justiça.

 

Reserva Indígena Rio das Cobras

Localizada a 328 km de Curitiba, possui cerca de 3.600 pessoas, onde estão 740 famílias das etnias  Kaingang e Guarani, distribuídas em oito aldeias (Sede, Trevo, Vila Nova, Encruzilhada, Taquara, Lebre, Água Santa e Campo do Dia). Se destacando economicamente pelo cultivo de grãos e agropecuária, estão entre os dez maiores produtores de gado do Paraná. (Informações Viaje Paraná)

What do you want to do ?

New mail

Você tem algum comentário, dúvida ou opinião? Conta pra gente!


blank

Chat online
1
Fale com o Portal MZ!
Tudo bem?
Fique à vontade para mandar mensagem :)
Faça parte do nosso grupo do Whatsapp!!