Geral Vídeos

Pai diz que fez de tudo para salvar filho que morreu engasgado com tampa de garrafa pet

13/01/2022 | 16:38 Por Eduardo Matheus Modificado em 13, janeiro, 2022 4:51

O pai do menino Arthur Gomes Benjamim, de 2 anos, que morreu na sexta-feira, (7), na cidade de Macapá (AP) engasgado com uma tampa de garrafa pet, se pronunciou pela primeira vez na última terça-feira (11) sobre o fato, através de uma carta de esclarecimento. No documento encaminhado à imprensa, ele se defende das críticas que vem sofrendo, principalmente nas redes sociais e da família materna da criança.

No relato, o delegado da Polícia Civil do Amapá, declarou que fez de tudo para salvar a vida do filho e detalha o sofrimento que passa com as alegações de negligência sobre a morte da criança. Os dois estavam sozinhos no momento do acidente.

“Eu fiz de tudo para salvar a vida do meu filho. Quando ele engoliu a tampinha, estava próximo de mim, e o fez no momento em que eu estava organizando as coisas pós almoço. Não houve falta de cuidado, ele estava sendo monitorado, foi uma tragédia que eu não desejo a nenhum pai ou mãe. Pergunto então, quem é que vai imaginar que o filho vai morrer por ter uma garrafa pet de água mineral em casa? Em qual contexto esse resultado é imaginável ou esperado? Qual pai pode ser apontado como negligente por isso? Na verdade, fossem as acusações só de negligência, seriam menos dolorosas. Estou diariamente sendo chamado de assassino”, contou.

Você tem algum comentário, dúvida ou opinião? Conta pra gente!


Chat online
1
Fale com o Portal MZ!
Tudo bem?
Fique à vontade para mandar mensagem :)
Faça parte do nosso grupo do Whatsapp!!