Política Vitrine

Ministério Público cobra explicações sobre aprovação de vale-alimentação de R$700 aos vereadores de Ponta Grossa

02/06/2023 | 10:44 Por Redação MZ Modificado em 02, junho, 2023 10:51

O Ministério Público do Paraná (MP-PR) cobrou da Câmara Municipal de Ponta Grossa (CMPG) explicações sobre a aprovação em “toque de caixa’’ do vale-alimentação no valor de R$ 700 aos vereadores. Um oficio foi enviado recentemente à Casa de Leis após a sessão extraordinária que aprovou o projeto.

A aprovação acalorou o debate público, visto que, os parlamentares demoram pelo menos um ano para aprovar um Projeto de Lei. Desta vez, em menos de um dia após o protocolo, a proposta foi aprovada pelo Poder Legislativo.

O ofício do Ministério Público foi enviado ao presidente da Câmara, o vereador Filipe Chociai (PSD).

 A Câmara tem o prazo é de 10 dias úteis a partir do recebimento documento para se manifestar sobre a legalidade da tramitação de todos os projetos aprovados na sessão extraordinária.

 Além do vale-alimentação, os vereadores também aprovaram o reajuste de 3,83% no próprio salário.

Como votou cada vereador

VEREADORESVALE-ALIMENTAÇÃOCRIAÇÃO DE CARGOS COMISSIONADOSAUMENTO DE SALÁRIO
BiancoFavorávelFavorávelFavorável
Celso CieslakFavorávelFavorávelFavorável
Daniel Milla FraccaroContrárioFavorávelContrário
DivoFavorávelFavorávelFavorável
Dr. ErickFavorávelFavorávelContrário
Felipe PassosFavorávelFavorávelFavorável
Filipe ChociaiFavorávelFavorávelFavorável
Geraldo StoccoContrárioContrárioContrário
Izaias SalustianoFavorávelContrárioFavorável
Jairton da FarmáciaFavorávelFavorávelFavorável
Joce CantoFavorávelContrárioContrário
José Carlos S. Raad – Dr. ZecaFavorávelFavorávelFavorável
Josi Kieras Do ColetivoFavorávelContrárioFavorável
Julio KullerFavorávelFavorávelFavorável
Léo FarmacêuticoFavorávelFavorávelFavorável
Missionária AdrianaFavorávelFavorávelFavorável
Pastor Ezequiel BuenoFavorávelFavorávelFavorável
Paulo BalansinFavorávelFavorávelFavorável
Professor CarecaContrárioContrárioContrário

A situação gerou revolta na população de Ponta Grossa. O  caso ganhou notoriedade nacional devido a agilidade que os parlamentares tiveram para aprovar a proposta que foi protocolada e votada no mesmo dia.

Você tem algum comentário, dúvida ou opinião? Conta pra gente!


Chat online
1
Fale com o Portal MZ!
Tudo bem?
Fique à vontade para mandar mensagem :)
Faça parte do nosso grupo do Whatsapp!!